Ingressos
Passeios

Viagem em família: 5 dicas para planejar as férias perfeitas

Por Mini Mundo, publicado em 29/07/20 às 01:14.

Uma viagem em família sempre rende momentos inesquecíveis. Porém, para você trazer apenas lembranças boas da aventura, é necessário um pouco de organização. Hoje vamos dar dicas de planejamento que podem evitar vários perrengues!

Planejando sua viagem em família

Documentação vencida, mal-estar durante o passeio e falta de grana são alguns contratempos que ameaçam a ideia de férias perfeitas. Ainda bem que você pode evitar boa parte dessas dificuldades. Confira os detalhes no passo a passo.

1. Orçamento da viagem

A primeira ação para viajar com a família é definir um teto de gastos. O orçamento vai balizar todas as decisões posteriores – para onde ir, em que hotel ficar etc.

Claro que dá para ser feliz com pouco dinheiro, mas uma situação financeira apertada significa menos diversão. Lembre-se de que a entrada no parque temático, o lanchinho da tarde e até aqueles souvenirs que seu filho adora geram despesas.

Dica: mantenha uma reserva ao longo do ano especialmente para esse fim. A “poupança férias” permitirá roteiros mais elaborados.

2. Destino family friendly

Agora vocês vão decidir o lugar a ser visitado. Certifique-se de que o destino da viagem tenha a cara de sua família. Afinal, essa deve ser uma experiência que agrade a todos!

A estrutura turística conta vários pontos nesse aspecto. Verifique se há atrações para todas as idades. Por exemplo, será que os estabelecimentos têm espaço de recreação para as crianças? E os adolescentes, fazem o quê? Vão às compras, ao cinema…?

Dica: Conheça os melhores parques em Gramado

3. Reservas

O próximo passo da viagem em família consiste em garantir o transporte e a hospedagem. Tanto as passagens aéreas quanto a estada no hotel devem ser reservadas com antecedência. Assim, há maior oferta no mercado e você consegue preços mais em conta.

Se o local de destino for longe do aeroporto, é importante contratar um serviço de traslado ou alugar um carro. Escolha um veículo com bagageiro grande para acomodar as malas de todo mundo!

Ingressos de museus e parques também podem ser comprados antes, pela internet. Isso evita filas.

Dica: Restaurantes em Gramado: o sabor da Serra Gaúcha

4. Roteiro dos passeios

Falando no assunto, as entradas para atrações turísticas costumam valer em dias e horários específicos. Portanto, observe muito bem o endereço desses locais!

É tudo uma questão de logística. Se o ponto A fica num canto da cidade e o ponto B no extremo oposto, vocês gastarão muitas horas no deslocamento. Chato, né?

Férias inesquecíveis são aquelas em que a gente aproveita cada segundo da viagem. Portanto, “setorize” o mapa e monte roteiros otimizados. Liste os pontos que quer conhecer em cada bairro para visitá-los de uma só vez, sem idas e vindas.

5. Documentação e saúde

Veja se os documentos da família estão em dia, especialmente antes de viagens internacionais. Alguns países exigem passaporte válido por seis meses além da data de retorno.

Territórios vizinhos ao Brasil, como Uruguai e Argentina, aceitam documento de identidade (RG). Carteira de habilitação não vale!

Ainda, é bom se prevenir caso alguém passe mal durante o passeio. Se você e seus familiares têm plano privado, informe-se sobre a abrangência dos serviços e a rede credenciada na região. Onde não houver cobertura, um seguro saúde banca eventuais despesas médicas na viagem. Sai bem mais barato que pagar consulta particular. 😉

Gostou das dicas? Esperamos que suas férias em família sejam ótimas. Obrigado pela companhia e até a próxima!